Fomento à Leitura e Formação de Mediadores

Dedicação, planejamento, pesquisa e o envolvimento do maior número de pessoas possível são itens irrevogáveis na tarefa de conduzir a população brasileira a um entendimento maior do papel do livro como repositório do valor simbólico da sociedade e da importância da leitura como item indispensável para a formação, a independência e a cidadania. Neste sentido, educadores, bibliotecários e mediadores de leitura são os agentes naturais para a condução de processo. Não é uma tarefa simples.

 

Por essa razão que, no âmbito do PNLL, MEC e MinC estruturam uma série de ações de fomento e formação de mediadores; que vão desde programas de capacitação, inclusive com uso de ferramenta de educação à distância, até projetos sociais locais de leitura, como contações de histórias, performances poéticas, rodas literárias, etc.

 

Este eixo de atuação do PNLL também buscar custear estudos e fomento à pesquisa nas áreas do livro e da leitura. Afinal, a produção de conhecimento acerca desta complexa realidade brasileira é condição primeira para o delineamento de políticas públicas eficazes e adequadas.